segunda-feira, 10 de maio de 2010

Brasileirão começa com erros de arbitragem

O Campeonato Brasileiro mal começou e já tivemos erros de arbitragem, erros que influenciaram diretamente no resultado de três jogos. No caso de Internacional 1 x 2 Cruzeiro, os colorados reclamaram muito com o árbitro Wilson Luis Seneme de um pênalti marcado em favor do Cruzeiro. Segundo o árbitro, houve toque de mão de Ronaldo Alves, em algumas cameras, é como se a bola batesse no peito do zagueiro, em outras cameras, parece que houve toque mesmo. Kléber cobrou o pênalti e fez 1 a 0 Cruzeiro. Mais tarde Kléber faria o segundo dos mineiros e Taison diminuiria para o Internacional.

Já no jogo entre Corinthians e Atlético-PR, no estádio do Pacaembu, o time paulista venceu por 2 a 1, sendo o segundo gol feito por Ronaldo através de um pênalti inexistente marcado em Souza. Souza foi o nome do jogo, o Corinthians mudou o seu ritmo após a entrada do atacante. Souza fez um belo gol aos 13 minutos do segundo tempo, mas aos 38, em uma dividida pelo alto, fez uma "ceninha" ao cair, pênalti mal marcado pelo árbitro Marcelo de Lima Henrique. Como já foi mencionado anteriormente, Ronaldo cobrou e deu a vitória à Fiel.

No Castelão, o Ceará venceu o Fluminense pelo placar mínimo. O único gol do jogo saiu de um pênalti inexistente e muito questionado. Cássio levou a melhor em disputa de bola com Geraldo na área Tricolor, mas o árbitro Paulo César de Oliveira viu pênalti na jogada e de quebra expulsou o zagueiro. Geraldo cobrou com paradinha e Rafael defendeu, mas o bandeirinha Ednilson Corona mandou voltar, pois segundo ele, Rafael se adiantou. Na segunda cobrança, Geraldo marcou, dando a vitória ao Ceará.

7 comentários:

  1. Normal, Claúdio a única surpresa que tive foi ver que não houve erros contra ovasco...veja a coluna do André Kfoury , até ele se rendeu aos erros contra o vasco na CB. abração, leandro

    ResponderExcluir
  2. Eu realmente não acredito no que disse. Pela imagem que vi a bola teve sua trajetória claramente interrompida pela MÃO do jogador colorado, mas vc tem razão em relação à influência da arbitragem. O juiz errou muito marcando inúmeras faltas inexistentes contra o Cruzeiro, sem falar na quantidade de cartões distribuídos pra nossos jogadores, foram 5 cartões para os Celestes e apenas 1 para Glaydson do Inter. Percebi claramente a intenção de favorecer o time da casa.

    ResponderExcluir
  3. Pela Globo Minas foi claríssima a "mão na bola" inclusive suspeitaram do Kleber Pereira TAMBÉM ter matado a bola com a mão.

    ResponderExcluir
  4. Pra mim tambem ficou nitido que a bola tocou na mão do zagueiro do Inter. Contra o Grêmio teve um erro que quase custou caro, a expulsão do nosso zagueiro foi errada, mas tudo bem, eu a muito tempo já desisti de reclamar de arbitragem. Enfim uma rodada apagada e sem empolgação, e ta chegando a hora mesmo cara, vai ser de arrepiar, abraço.

    Saudações do Gremista Fanático

    ResponderExcluir
  5. NO do Inter a câmera não favorece, mas o Do Corinthians foi muito cara de pau o Souza. E o mané daquele juiz que adora fazer besteira aqui no Rio, foi fazer besteira no Brasileirão tbm.
    Do Flu não acheu pênalti e ainda expulsou o zagueiro, além do lance da adiantada. Em um lance só o PC Oliveira destruiu o tricolor.

    Abraço e sds vascaínas!

    ResponderExcluir
  6. Isso não é mais novidade, não é privilégio de ninguém ser prejudicado pela arbitragem, mas alguns torcedores clubistas insistem em dizer que favorecem clubes A,B e C.

    Abraços, não deixe de escutar o DEBATSPORTS.

    debatsports.blogspot.com

    http://ofuteboleoscariocas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?
    Somos estudantes de jornalismo e trabalhamos na área de jornalismo esportivo. Criamos um blog que analisa números e estatísticas do futebol. Gostaria de trocar link conosco?
    http://futnumeros.blogspot.com/

    Abraço

    ResponderExcluir

Fiquem a vontade para comentar. Será sempre bem-vindo no Fanáticos Por Futebol. É um prazer ter seu comentário aqui.

Volte sempre!